Skip to content
Tags

Resenha – Shotgun Diaries (Edição de luxo)

by em 19/01/2012

Uma semana depois de receber a “latinha da RedBox”, consegui parar para resenhá-la apropriadamente, como uma iniciativa do tipo merece. Inicialmente pensei em fazer um vídeo de unboxing, mas aparentemente uma porrada de gente já fez – menos a Luiza, que está no Canadá.

Para quem não conhece, Shotgun Diaries é um RPG de sobrevivência zumbi, criado por John Wick, baseado princialmente em narração – que é compartilhada em momentos-chave. A RedBox Editora resolveu fazer uma versão de luxo, posso estar enganado mas acredito que seja o primeiro RPG “enlatado” vendido no Brasil.

Quando adquiri o produto na pré-venda, resolvi não ler o PDF disponibilizado gratuitamente pela RedBox aos compradores. Primeiro por usar basicamente PC’s desktop e não ter muito saco de ler online (ainda mais um produto tão colorido quanto o livreto do Shotgun). Segundo que não tinha intenção de jogar tão cedo.

Quando recebi, fiquei muito feliz em ver a qualidade gráfica do conteúdo. A lata, fosca e prateada é linda. Os cartões de personagem, suprimentos, zumbis e dados são ótimos para os jogadores entrarem no clima.

O livro em si impressiona mais pela arte e qualidade gráfica que pela quantidade de páginas. Em formatinho (a RedBox gosta mesmo de títulos nesse formato), tem apenas 24 páginas, contando capa e contracapa. Para a proposta do jogo, é mais que suficiente: Shotgun Diaries tem um conceito puramente roleplay, e precisa climatizar jogador e mestre. Nisso, mais um ponto para  RedBox.

O jogo é simples e puramente narrativo: seu personagem se resume em  um conceito (Astuto, Perigoso, Forte, Veloz, Furtivo ou Indefeso). Isso significa que você é capaz de rolar no mínimo 4 dados para sua especialidade. Por exemplo: se um Furtivo quer passar por uma horda de zumbis sem fazer barulho, na pior das hipóteses, ele vai jogar 4d6 para descobrir o que aconteceu.

Se o jogador tira um 6 nos seus dados isso significa que ele pode narrar a própria ação. Como grande parte dos jogos de narração compartilhada, Shotgun é bem subjetivo nas regras: esqueça mapas e miniaturas obrigatórias, escudo do mestre cheio de tabelinhas entre outras coisas. No máximo você utilizará os props fornecidos pela edição de luxo do jogo (que podem ser substituídos por qualquer fichinha de papel, pecinha de War ou simplesmente uma anotação em caderno).

Entre outras coisas, o RPG também tem regras de Medo, Suprimentos, Refúgio e um controle de quantidade de zumbis. Tudo é extremamente simples: decorei a mecânica em uma lida de 30 minutos, no máximo. O que mais gostei é o estímulo à escrita por parte dos jogadores: fazer um diário rende alguns benefícios em aventuras posteriores. Caso você não tenha tanto interesse em ter todos os props, recomendo a compra do PDF do jogo.

A edição de luxo acompanha dentro da lata alguns itens bem interessantes: 6 dados de 6 faces, onde o “6” é transformado em uma figura zumbi, facilitando a identificação do sucesso; cards de personagens, armas de fogo e ferramentas; tokens de Suprimentos, Refúgio, Medo e o Relógio Zumbi. Além disso, a RedBox incluiu um brinde surpresa (que não é surpresa para mais ninguém, menos para a Luiza que… Enfim, você sabe): Um CD de áudio com efeitos sonoros e trilha para jogo, além de um contador de Relógio Zumbi.

Como RPG, gostei bastante da proposta do Shotgun Diaries. É um jogo simples e muito recomendado para uma tarde descompromissada com alguns amigos e umas cervejas, ainda não sei como funcionaria em uma campanha prolongada. Como produto, parabéns à RedBox, não senti culpa alguma em ter desembolsado uma grana extra pela edição de luxo. Acho que a única coisa que passou batido foi uma inclusão de nota de compra no envio, ou por e-mail. Acredito que eu seja um caso isolado. Atualização: O Mr. Pop nos explicou melhor o lance da nota fiscal aqui nos comentários. Basicamente, como eles são cadastrados como Super Simples, não tem a obrigatoriedade de enviar a nota fiscal, mas caso o cliente necessite, é enviado via e-mail.

Se você quer conhecer melhor o Shotgun Diaries,  visite o hotsite do jogo, corre lá na lojinha da RedBox e compra o seu que a latinha deve estar perto de esgotar!

Anúncios

From → Resenhas

3 Comentários
  1. Oi Welton,

    Muito obrigado pela resenha. 🙂

    Sobre a NF, somos uma editora enquadrada no MEI e no super Simples. Por lei, somos dispensados de emitir nota fiscal já que não recolhemos impostos sobre venda à pessoas físicas.

    No entanto sempre que um cliente solicita emitimos NF. Caso deseje a sua, peço que envie um email para redbox@redboxeditora.com.br para que possamos providenciar a emissão.

    Att,

    Antonio

  2. Cara, essa lata ficou linda *_____________*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: